A empresa de Matta, Crescent Crypto Asset Management, tem uma série de políticas para combater a volatilidade do mercado de altcoins.

Ele disse à CNBC que uma dos filtros que usa na escolha das moedas é a média de 90 dias sobre o preço de cada moeda para determinar seu verdadeiro valor.

Vemos algumas dessas moedas explodirem em valor e entrarem no top 20. Elas realmente precisam sustentar esse valor para se mostrarem como um investimento real. Por isso, precisa atender a esse limite para permanecer no portfólio.

Também temos controles em torno de medidas de liquidez. Ele precisa atender a certos limites e estar disponível em várias exchanges nos Estados Unidos. Na verdade, a custódia é um fator importante para nós. Não vamos segurar uma moeda que você não consiga armazenar em cold storage. Queremos ter certeza de que as pessoas possam armazená-las da maneira mais segura, como você ouve constantemente sobre esses hacks de exchanges. Não queremos que nossos clientes ou o índice corram esse risco.

A recomendação de Matta vem apesar da correlação entre o Bitcoin e o mercado de altcoins.

Existem vários níveis de correlação entre essas moedas. Mas, mantendo uma cesta de 20 em vez de apenas investir no Bitcoin, você obterá retornos absolutos melhores ajustados ao risco final por causa do benefício de diversificação obtido.

Mesmo que cada moeda seja incremental, ainda é melhor do que segurar apenas Bitcoin. Suas perdas máximas serão menores – menos volatilidade com a manutenção de uma cesta de moedas diversificada.

Matta faz parte de uma longa lista de traders e banqueiros de Wall Street que deixam as instituições financeiras tradicionais para adentrar o mercado de ativos criptográficos. Ele deixou a Goldman Sachs logo após uma oferta para se tornar vice-presidente, decidindo lançar a Crescent Crypto Asset Management no ano passado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome